terça-feira, 9 de janeiro de 2018

Workshop "Chás especiais - mercado e consumo" na capital de SP

Para celebrar nossas atividades na capital de São Paulo, Erika Kobayashi fará uma performance de cerimônia de chá, como abertura do workshop "Chás especiais - mercado e consumo", realizado por Yuri Hayashi, e que engloba os seguintes assuntos:

Workshop: Chás especiais - mercado e consumo
- O chá em contexto, do broto à xícara: introdução à bebida
- Evolução do mercado de chás no Brasil: o panorama atual
- A visão da Escola: tendências e direcionamentos
- 5 erros mais comuns de um novo empreendedor no mundo dos chás
.
Yuri Hayashi é fundadora da Escola de Chá Embahú e ensina sobre a cultura do chá desde 2013. Centenas de seus alunos a procuram visando estudar novos empreendimentos no mundo dos chás, seja começando do zero ou complementando seus negócios com esta cultura. Os vencedores das 1as. colocações do Concurso Cultural Melhores Chás Brasileiros 2017 são um exemplo disto, tendo ambos passado por suas mãos.
.
Acima de tudo, ela é uma referência no mercado brasileiro quando se procura cursos especializados na área. Atualmente, conduz cursos básicos e avançados, treinamento para lojas, consultorias variadas, além de atender seu clube de degustação sensorial, com acompanhamento personalizado. Junto a sua equipe de especialistas, vem promovendo nos últimos anos o evento "Rota do Chá em Registro" levando entusiastas de todo o país para conhecer de perto produtores nacionais e a história do chá brasileiro. Suas atividades pioneiras foram tema de palestra na Semana Global do Empreendedorismo 2017 no Senac Campos do Jordão.


.
Yuri espera por vocês para compartilhar um pouco dessas histórias no dia 21 de Janeiro na Chá Yê!, um de seus principais parceiros.
A inscrição (valor de R$65) pode ser feita através do contato no site da Escola de Chá Embahú.

quarta-feira, 20 de dezembro de 2017

Resultado do Concurso Cultural Melhores Chás Brasileiros 2017

Vamos comemorar o Dia Internacional do Chá com o resultado do Concurso Cultural Melhores Chás Brasileiros?



Nota explicativa:

Quando criamos o Concurso Cultural Melhores Chás Brasileiros 2017, colocamos como regra a conformidade com a lei (Anvisa). Já era meta deste projeto levantar a discussão sobre a questão de regulamentação dos chás e infusões, para que esta crescente popularização aconteça de forma organizada e profissional.

Diante deste desafio, decidimos englobar todos os inscritos, uma vez que 99% dos produtos apresentaram irregularidades. Em nosso feedback para cada participante (enviado a partir da próxima semana), haverá uma nota de regulamentação, indicando o quanto seu produto está pronto para servir o mercado.

Para as colocações de cada categoria, utilizamos o julgamento triangulado, tendo como critério de desempate as notas individuais dos campos da avaliação sensorial por ordem de importância. Aqui, devo acrescentar que ficamos muito felizes em ver a participação de amadores a profissionais consagrados, cheios de criatividade, trazendo ingredientes de origem e mostrando o potencial deste trabalho no país. Uma experiência enriquecedora para todos nós!

Para concluir, antes de divulgarmos os ganhadores, esperamos que com este concurso, haja uma reflexão maior no mercado de chás especiais, tendo como lembrete a responsabilidade legal ao se trabalhar com alimentos.


Os vencedores da categoria Infusão Mista: 

Iniciando a premiação do Concurso Cultural Melhores Chás Brasileiros 2017, a medalha de bronze na categoria Infusão Mista foi para "Silêncio" da A Chávena, produzido por Elaine Cristine da Silva, de Joinville (SC).

A composição do "Silêncio" possui: Capim Limão, Jasmim, Maçã e Laranja. E segundo a Elaine, "O processo de criação dos meus blends envolvem sempre uma fase extensa de experimentos e testes, até eu chegar no resultado desejado. Cada blend da marca busca aflorar um sentimento ou sensação. No caso do Silêncio foram diversos testes em busca de um mix que trouxesse um pouco de calma para as tensões do dia a dia (...)".

Conheça melhor este trabalho, através do perfil: @achavena

- Parabéns, Elaine! Este produto é a prova que ingredientes simples, com qualidade e em proporções corretas, ainda fazem uma boa mistura!

"Silêncio" da A Chávena, 3o. lugar da categoria Infusão Mista


Em segundo lugar na categoria Infusão Mista, temos o "Chá Cocktail de Frutas" da marca Bem Natural, produzido pela Viviane Mantovani, de Socorro (SP).

Os ingredientes desta infusão incluem: Hibisco, Casca de Laranja, Abacaxi, Papaia e Cenoura. Viviane conta como foi sua criação: "(...) Este chá, a escolha foi mais particular, por eu não gostar de hibisco e adorar o aroma da casca de laranja - resolvi juntar esses dois ingredientes de princípio, logo mais acrescentei o restante dando uma cor visual linda e um aroma delicioso sem precisar de nenhum aroma artificial, então me encantei pelo aroma e logo mais o sabor(...)".

Conheça melhor este trabalho, através do perfil: https://www.facebook.com/bemnatural.gourmet

- Parabéns, Viviane! A composição visual dos ingredientes foi realmente um super atrativo para o seu produto!

"Chá Cocktail de Frutas" do Bem Natural, 2o. lugar da categoria Infusão Mista


E o primeiro lugar na categoria Infusão Mista, vai para a "Dori-Ame" do Chá Contigo, por Luciana Maira, de Curitiba (PR).

Encontramos em sua composição os seguintes ingredientes: Rooibos, Maçã, Gengibre, Camomila e Menta. Luciana conta como foi a criação desta bebida: "Quando a inspiração é uma amiga querida tudo fica mais fácil.(...) homenageio uma grande amiga, Doriane Conceição, compositora e cantora, mulher forte e cheia de amor. É um blend para quem canta e encanta. Os elementos foram pensados para proporcionar conforto a voz e paz para alma".

Conheça melhor este trabalho, através do site: https://www.facebook.com/ChaContigo/

- Parabéns, Luciana! O equilíbrio e reconforto que esta infusão proporciona é a chave do sucesso!

"Dori-Ame" do Chá Contigo, 1o. lugar da categoria Infusão Mista


 Menção Honrosa:

De todos os produtos que recebemos para o Concurso Cultural Melhores Chás Brasileiros 2017, os da marca Tapii'Ti foram os únicos que estão 100% regularizados de acordo com nossa legislação.
Parabéns, Tapii'Ti @tapiiti, pelo profissionalismo, além da proposta encantadora de seus produtos!




Os vencedores da categoria Blend: 

Para anunciar o terceiro lugar na categoria Blends do Concurso Cultural Melhores Chás Brasileiros 2017, temos de falar dele de novo... o Kaá Mellia da Tapii'Ti! O seu responsável é Rogério Coelho Barroso, de Curitiba (PR).

Este blend é formado por Folhas da Kaá (Ilex paraguariensis) produzidas e processadas em tribo Guarani, perfumadas com folhas de Camellia sinensis. O objetivo deste produto é "(...) valorizar a relação dos povos nativos originários do Brasil com a Kaá, a árvore sagrada dos Guarani, usada para preparar uma bebida de grandes virtudes, dando visibilidade ao apagamento histórico desta cultura enquanto originário do povo Guarani", resultando em uma "Infusão para energizar".

Conheça mais sobre a Tapii'Ti no perfil: @rogeriorabbits

- Parabéns, Rogério! É notável a qualidade e energia da sua matéria-prima, transformando uma xícara em um palco para grandes filosofias.

  "Kaá Mellia" do Tapii'Ti, 3o. lugar da categoria Blend

O segundo lugar da categoria Blend, vai para uma figurinha repetida neste dia: "Sou-Frida" do Chá Contigo, por Luciana Maira, de Curitiba (PR).

O blend é composto por: Chá Preto, Laranja, Pimenta Rosa e Malagueta. "Frida Kahlo foi a inspiração para esse blend. Uma mulher forte e sensível. Acreditava que 'para viver esta vida é preciso temperá-la(..), embora às vezes a vida seja danada além da conta, pois ou faz você sofrer ou faz você aprender'. Acalorados por esse universo de mistérios e sutilezas nasceu o blend marcante e apimentado."

Mais a respeito do trabalho do Chá Contigo no site: https://www.facebook.com/ChaContigo/

- Parabéns duplamente, Luciana! Seu trabalho criativo com os sabores conquistou o júri!

"Sou-Frida" do Chá Contigo, 2o. lugar da categoria Blend

Em primeiríssimo lugar, disparado, na categoria Blend, ganhamos um verdadeiro "Presente" por Mariana Meira (O Chá da Casa e Tú), de Recife (PE).

O blend vencedor traz os seguintes ingredientes: Chá preto chinês, cana de açúcar e limão do Brasil.
E ele tem como proposta"(...) unir a cultura do chá com a cultura brasileira, através do chá preto chinês, Golden Monkey, com a cana de açúcar e limão do Brasil".

Para conhecer mais a respeito deste trabalho, visite o perfil: @ochadacasa

- Parabéns, O Chá da Casa! Seu produto superou a nossa expectativa pela qualidade com que foi produzido, além do equilíbrio de sabores muito bem definidos, chamando a atenção do júri!

"Presente" do O Chá da Casa, 1o. lugar da categoria Blend


E com esse gostinho de quero mais, é que encerramos a divulgação do concurso. Agradecemos a todos os participantes e ao júri:

- Daniela Reis, Sommelier de Chás, pesquisadora sobre a história do chá e franqueada da Tea Shop Morumbi Shopping
- Elizeth van der Vorst, proprietária da Amigos do Chá, importando chás especiais desde 1994
- Monica Rennó, sócia proprietária da Talchá, fundada em 2010
- Taís Beltramín, engenheira alimentícia, especialista em Desenvolvimento de Produtos Alimentícios e Assuntos Regulatórios, colaboradora da Escola de Chá Embahú
- Yuri Hayashi, fundadora da Escola de Chá Embahú

Ano que vem, tem mais - preparem-se desde já!

segunda-feira, 27 de novembro de 2017

2a. Rota do Chá em Registro pela Escola de Chá Embahú

Aconteceu na semana passada, a segunda edição da Rota do Chá em Registro, organizada pela Escola de Chá Embahú. Este ano, aumentamos o grupo para 40 participantes, cujos ingressos rapidamente se esgotaram. Um público especial, de empresários a entusiastas do chá, vindos de diversos lugares do Brasil: São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Distrito Federal, Pernambuco, enfim, uma incrível reunião de nossa comunidade.


No sábado, dia 19 de Novembro, os participantes do evento se reuníram às margens do rio Ribeira de Iguape, em frente ao Monumento as Almas. Ali, a abertura do evento foi realizada com as boas-vindas pela equipe da Escola de Chá Embahú e a performance Florescimento, realizada por Erika Kobayashi e Vinícius Monfernatti. Em cima dos conceitos de chanoyu (a cerimônia de chá japonesa) ambos receberam os convidados Milton Amaya, André de Freitas, Ume Shimada, Roberto Shimada, Renata Acácia e Vanessa Ribeiro (sorteada entre os presentes), para celebrarem o renascimento do chá na região.

A emocionante abertura do evento às margens do Rio Ribeira

Foi um momento muito marcante, no qual os anfitriões da cerimônia nos transmitiram leveza e sensibilidade, explorando o conceito máximo do "ichi-go ichi-e". Agradecemos o apoio da Talchá, que nos forneceu o matcha de ótima qualidade, utilizado neste evento.

Com a mente tranquila, seguimos para a segunda atração do dia: a colheita de chá com Teresinha Shimada da Obaatian - o Chá da Vovó.

Os convidados da cerimônia de abertura da 2a. Rota do Chá

Chegando no Sítio Shimada, fomos direto para um dos chazais da família. Em grupos menores, os participantes da Rota do Chá ouviram as orientações de como colher a planta e os cestos de bambú foram enchidos com os brotos da colheita.

Colhendo e tirando muitas fotos no chazal da família Shimada

Completando as atividades da manhã, Teresinha Shimada e seu esposo Léo, responsáveis pelo processamento do chá da Obaatian - o Chá da Vovó, deram uma aula de como é feito o chá preto da família enquanto degustávamos a bebida, acompanhada de diversas comidinhas deliciosas feitas pela Teresinha e equipe.

Após a pausa do almoço, retomamos a programação da 2a. Rota do Chá em Registro e seguimos para a fábrica da família Amaya. Dentro das paredes da última grande fábrica de chás da região, pudemos compreender toda a herança cultural que o chá carrega. Acompanhados pelo mestre de chás Riogo Amaya, vimos as estruturas e maquinário que foram o palco da era de ouro do chá e que hoje ainda estão na ativa, se adequando ao mercado atual.

Conhecendo o casarão tombado da  família Amaya

Tivemos a oportunidade de conhecer o casarão tombado da família Amaya, possuidor de uma arquitetura muito particular, misturando técnicas de construção japonesa com materiais brasileiros, incluindo a madeira de canela preta, típica de Registro. A residência, construída em 1923, foi o lar da família imigrante quando se estabeleceu em Registro e se apresenta muito bem preservada até os dias atuais. Ali, fomos servidos com chás gelados da Amaya, para refrescar o calor desta época do ano. Todos foram presenteados com um kit contendo os chás da marca: verde, preto, em pó e o novo formato em sachê.

Conhecendo o chazal da família Amaya

Fechando o primeiro dia com chave de ouro, visitamos o extenso chazal da Amaya Chás, cercado pela bela Mata Atlântica.

Jabuticabeiro no pomar da família Amaya

Dentro da fazenda da família, Lincon Amaya (responsável pelos chazais) demonstrou o funcionamento da máquina de colheita de chá e ainda conhecemos outras localidades, incluindo um belo pomar, repleto de jabuticabas e cacau!

Foto de todos os integrantes reunidos na Amaya

No segundo dia da 2a. Rota do Chá em Registro, seguimos direto ao Sítio Shimada para conhecer seu outro chazal, próximo às famosas lichias, e acompanhar o processamento do chá colhido com a Teresinha.

Chazal com as lichias ao fundo

Grupos formados para acompanhar o processamento do chá da Obaatian

Os participantes puderam acompanhar os processos pelo qual o chá preto da Obaatian - o Chá da Vovó passa, até sua finalização. Uma mistura de técnicas manuais e máquinas antigas garantem a qualidade do chá estilo artesanal, sob os olhos da Teresinha.

A família nos reservou uma linda surpresa: fizemos a inauguração da lojinha do Sítio Shimada, com os produtos da região! Neste espaço aconchegante, todos puderam adquirir os seus chás favoritos.

Inauguração da loja da família Shimada

Mudinhas de Camelia sinensis assamica adquiridas na loja

E seguimos para o almoço com a Sra. Ume Shimada, fundadora do Obaatian - o Chá da Vovó, com os pratos preparados com carinho pela equipe do Sítio Shimada.

Comida caseira do Sítio Shimada

Foi um grande momento de descontração com muito bate papo entre os integrantes que puderam relaxar e aprecisar a comida caseira, feita ali no Sítio.

Ao fim do almoço, tivemos o sorteio de brindes pela Sra. Ume! E com muita emoção nos despedimos de todos para seguirmos nossos caminhos de volta para casa, cheios de experiências únicas daqueles dois dias submersos na cultura do chá da região.

Entrega de prêmios com a Sra. Ume

Foto de despedida com todos os integrantes da 2a. Rota do Chá em Registro!

A Escola de Chá Embahú agradece a participação de todos. Somos muito felizes em poder compartilhar um pouco desta história com vocês e ver como, a cada dia, o nosso chá é cada vez mais reconhecido.



Galeria de Fotos:
(reprodução das imagens é autorizada de forma inalterada e com crédito à fonte "Escola de Chá Embahú")
Clique nas imagens para ampliá-las

  

  
  
  
  
  
  


sábado, 5 de agosto de 2017

Hora do Chá - podcast oficial da Escola de Chá Embahú - Episódio 2

Saindo do forno o segundo podcast da Escola de Chá Embahú!

Fizemos uma entrevista com Milton Amaya e sua esposa Sandra, na qual eles contam um pouco mais sobre a história da família e da empresa Amaya Chás, com mais de 80 anos no mercado.

Neste episódio revelamos uma grande novidade da marca, e trazemos mais informações da Rota do Chá em Registro!

Baixem o arquivo em nosso site, clicando aqui.